O batismo de arrependimento é necessário.

“Essas notícias sobre Jesus espalhavam-se por toda a Judéia e regiões circunvizinhas.

Os discípulos de João contaram-lhe todas essas coisas. Chamando dois deles, enviou-os ao Senhor para perguntarem: ‘és tu aquele que haveria de vir ou devemos esperar algum outro?’

Dirigindo-se a Jesus, aqueles homens disseram: “João Batista nos enviou para te perguntarmos: és tu aquele que haveria de vir ou devemos esperar algum outro?’

Naquele momento Jesus curou muitos que tinham males, doenças graves e espíritos malignos, e concedeu visão a muitos que eram cegos.

Então ele respondeu aos mensageiros: ‘voltem e anunciem a João o que vocês viram e ouviram: os cegos veem, os aleijados andam, os leprosos são purificados, os surdos ouvem, os mortos são ressuscitados e as boas novas são pregadas aos pobres; e feliz é aquele que não se escandaliza por minha causa’.

Depois que os mensageiros de João foram embora, Jesus começou a falar à multidão a respeito de João: ‘o que vocês foram ver no deserto? Um caniço agitado pelo vento? Ou, o que foram ver? Um homem vestido de roupas finas? Ora, os que vestem roupas esplêndidas e se entregam ao luxo estão nos palácios. Afinal, o que foram ver? Um profeta? Sim, eu lhes digo, e mais que profeta. Este é aquele a respeito de quem está escrito: ‘enviarei o meu mensageiro à tua frente; ele preparará o teu caminho diante de ti’. Eu lhes digo que entre os que nasceram de mulher não há ninguém maior do que João; todavia, o menor no Reino de Deus é maior do que ele’.

Todo o povo, até os publicanos, ouvindo as palavras de Jesus, reconheceram que o caminho de Deus era justo, sendo batizados por João. Mas os fariseus e os peritos na lei rejeitaram o propósito de Deus para eles, não sendo batizados por João.

‘A que posso, pois, comparar os homens desta geração?’, prosseguiu Jesus. ‘Com que se parecem? São como crianças que ficam sentadas na praça e gritam umas às outras: ‘nós lhe tocamos flauta, mas vocês não dançaram; cantamos um lamento, mas vocês não choraram’. Pois veio João Batista, que jejua e não bebe vinho, e vocês dizem: ‘ele tem demônio’. Veio o Filho do homem, comento e bebendo, e vocês dizem: ‘ai está um comilão e beberrão, amigo de publicanos e ‘pecadores’ ‘. Mas a sabedoria é comprovada por todos os seus discípulos’ ” (Lucas 7. 18-35. NVI).

João Batista sabe que seu trabalho é preparar o caminho para o Salvador. Por isso ele manda dois de seus discípulos para tirarem isso a limpo interrogando o próprio Jesus sobre sua identidade.

A resposta de Jesus Cristo vem em ato, protagonizando sinais e maravilhas, e em palavras, falando sobre os sinais e maravilhas que deveriam acompanhar o Salvador.

Feliz é o homem que não se escandaliza por Jesus Cristo testemunhar abertamente sobre si mesmo: “eu sou o Salvador”.

Então Jesus Cristo fala sobre João Batista e seu ministério.

Nem um caniço agitado pelo vento, nem um homem vestido em roupas finas. Não. João Batista é um profeta e mais do que isso: ele é o mensageiro de Deus que prepara o caminho para o Salvador e para a Salvação.

Não se chega ao Salvador nem à salvação sem antes passar pelo batismo de João Batista: um batismo de arrependimento para o perdão dos pecados.

Dentre os nascidos de mulher, ninguém é maior do que João Batista. Mas todo aquele que, atravessando o batismo de João Batista, encontra o Salvador e a Salvação, nasce do Espírito Santo e se torna maior do que João Batista.

Mistério profundo: homens e mulheres maiores do que João Batista.

Contudo, todo aquele que verdadeiramente ouve as palavras de Jesus Cristo, ele volta o seu caminho para se submeter ao batismo de João Batista, para entrar no Reino de Deus.

Jesus Cristo institui o batismo de João Batista como um sacramento: um passo necessário para a Salvação.

Os cobradores de impostos aceitaram o batismo de João Batista, reconhecendo que os caminhos de Deus eram justos. Mas os falsos religiosos não aceitaram o Salvador.

Os falsos religiosos são inconsequentes. Não praticam o que leem nas Escrituras; não se importam com a verdade, nem com a Salvação; não temem a Deus. Quando eles falam uns para os outros, eles não reagem. Tudo o que dizem é da boca para fora sem peso nem consequência. São homens e mulheres estéreis.

Mas a sabedoria verdadeira, gera filhos.

O verdadeiro profeta, João Batista, gerou filhos.

O verdadeiro religioso deixa filhos do Espírito, filhos da eternidade, filhos de Deus.

Quem não se arrepende e não passa pelo batismo de João Batista é um falso religioso e jamais deixará filhos nem vida.

Mas quem se arrepende, passando pelo batismo de João Batista, achará o Reino de Deus e será feito maior do que João Batista pelo Espírito do Salvador, Jesus Cristo, o Senhor.

Arrependamo-nos! O Reino de Deus está próximo!

Rafael Caldeira de Faria, Teólogo, e o Editor do blog Curados por Deus.

2 pensamentos sobre “O batismo de arrependimento é necessário.

  1. O arrependimento que nos coloca diante do nosso Deus Trino, nos mostra quem de fato somos, e nos dá a dimensão do amor imerecido e da maravilhosa graça derramada sobre nós. Como não descansar diante de tamanha verdade? Diante de tamanho amor?

  2. Amém.

    O batismo de arrependimento não nos degrada, mas nos restaura. Que grande alívio é passar pela porta estreita e, do outro lado, dar de cara com o Deus que Salva, com o Deus que Cura, com o Deus que é o Amor.

    O batismo de arrependimento é a passagem de acesso ao perdão dos pecados e à dádiva do Espírito Santo. Maior do que João Batista é feito aquele que passa por esse batismo e chega do lado de lá.

    Mistério tremendo! Graça de Deus!

    Convém adorá-Lo!

    #TemorDoSenhor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s