Um novo começo

Boa tarde a todos!

Como estão vocês e suas famílias? Espero que estejam bem e caminhando corajosamente na direção da construção da sua saúde mental!

Gostaria de lhes falar hoje aqui um pouco sobre ganhar um novo começo.

Por detrás da procura por um psicoterapeuta e psicoterapia geralmente há a esperança de alcançar um novo começo, receber uma nova vida.

As pessoas procuram ajuda porque as consequências dos seus maus hábitos começaram a aparecer e logo logo a vida por descaminhos começou a amargar a boca e o espírito a ponto de fazer querer alívio.

Certamente existe uma ingenuidade que atribui uma aura de milagreiro aos homens de branco, os profissionais médicos e psicólogos, como se seus tratamentos pudessem fazer com que os maus hábitos continuem, mas seus efeitos sejam anulados.

Mas a verdade é que a boa medicina e psicologia jamais serão assim.

A cirurgia bariátrica somente ajuda quem fez uma escolha verdadeira por uma dieta saudável e controlada… Para o resto da vida. A psicoterapia corporal somente ajuda quem se dispõe a reavaliar seus caminhos e a fazer escolhas firmes, como abandonar as más companhias, mudar de rotinas e escolher tratar diferente seus eventos subjetivos, gostos e inclinações.

Com uma calatonia, por exemplo, é possível devolver o corpo e a mente do paciente a um “ponto zero”, por assim dizer. O tônus corporal é modulado para um relaxamento ideal para a saúde física e apropriado para as elaborações dos conflitos mentais, o que é de grandíssima valia para um tratamento sério para o restabelecimento da saúde integral. Todavia, se o paciente se recusa a fazer mudanças de vida, de hábitos, de pensamentos, etc. Então tudo volta a ser como era e, pior, tende a se agravar exponencialmente.

Você está disposto a mudar de calçada para evitar aquilo que o faz cair? Desligar a TV ou mudar de canal? Retirar e bloquear o contato de pessoas que são tóxicas para você?

Quão seriamente você realmente deseja uma vida nova, uma nova chance, um novo começo?

Ah… Como eu gosto da psicoterapia corporal! Como eu acredito no bem que podemos transmitir através desse trabalho!

Mas infelizmente o melhor dos médicos ainda assim não é capaz de fazer toda a mágica acontecer. É preciso haver uma contrapartida, uma resposta de fé, uma atitude de responsabilidade que tornem possível que a medicina séria e competente ajude você a sair do lugar.

Precisamos entender e patrocinar a abordagem integrativa para a confrontação a toda a espécie de males, mas sobretudo encorajar cada paciente a discernir que o novo começo depende de seus atos de boa fé.

“Ninguém muda ninguém”, porém o suporte de um amigo leal pode nos impulsionar para a verdadeira liberdade: abandonar para valer o nosso antigo mal.

Que o SENHOR Deus abençoe todos os profissionais da área da saúde da nossa geração!

Atenciosamente,

Rafael Caldeira de Faria, psicólogo corporal, CRP 06/89471, e o fundador do Projeto Terapêutico Toque Divino.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s