Waffle Street, recomeçando direito

Bom dia a todos!

Como vão vocês e suas famílias? Espero que aprendendo a arte do lazer, descanso e entretenimento que edificam e criam em nós o que é bom e eterno!

Hoje estamos inaugurando nossa seção de “Filmes inspiradores”, com a sugestão desse trabalho da Marvista Entertainment chamado “Waffle Street”, que trata das memórias de James Adams e seus aprendizados no caminho de se tornar um homem verdadeiramente ético e digno na sua relação com o trabalho e o mundo dos negócios.

O filme conta com o elenco de James Lafferty, Julie Gonzalo e Danny Glover.

Infelizmente nem tudo o que é legal é ético e a ética é tudo o que importa no Reino de Deus.

Por outro lado, para um homem se tornar digno do seu próprio negócio, ele precisa cumprir um grande número de horas em serviço dedicado ao negócio de outro homem. Quem nunca ajudou o outro a prosperar, trabalhando nas cadeiras mais baixas da pirâmide profissional, jamais terá a firmeza interior e a grandeza de alma necessárias para abrir o seu próprio negócio e levá-lo a prosperar.

Na parábola do jovem rico, o que lhe faltava eram suas horas de “Waffle Street”.

Que o SENHOR Deus abençoe os nossos jovens para que um dia se tornem homens de verdade!

Eu acredito em milagres!

Atenciosamente,

Rafael Caldeira de Faria, pai de família.

Bússola para a felicidade

Bom dia a todos!

Como vão vocês e suas famílias? Espero que aprendendo a respeitar a necessária alternância entre tensão e relaxamento, ação e descanso.

Gostaria de lhes falar hoje aqui um pouco sobre a bússola que nos guia até a felicidade.

Conversando com a Cibele, minha esposa, cheguei a uma imagem mental que gostaria de compartilhar com vocês.

Imaginem que existe uma bússola plana sobre uma superfície plana e que alguém coloca sobre ela um mapa do mundo plano e transparente. Esse mapa está solto e a pessoa pode movê-lo como desejar, virando, subindo e descendo, sempre enxergando a agulha da bússola por debaixo a marcar o Norte eletromagnético.

Pois bem, pensei que nós somos os valentes chamados a navegar para esse Norte e que o mapa vai sendo movido pelo dedo do SENHOR Deus.

Sabemos que nosso destino está à direita, mas somos chamados a pela fé continuar seguindo na direção do Norte pelo próprio Deus, de modo que, com a experiência da vida, começamos a perceber que o SENHOR está movendo o mapa e é ele, e não nós mesmos, quem está transformando o Universo adiante de nós e para o nosso favor.

Embora nosso começo possa parecer um grande desvio em relação ao nosso destino pressentido e desejado, começamos a perceber que não importa a localização real da nossa felicidade, porque, se persistirmos e não desanimarmos na jornada para o Norte, no tempo perfeito o destino que estava à direita agora está maravilhosamente à frente de nós.

O SENHOR Deus move o Universo para satisfazer cada um dos seus filhos, os que obedecem aos seus Mandamentos e reproduzem o testemunho de Jesus, o Cristo, qual seja, obedecer ao SENHOR Deus em tudo, até o fim e de todo o coração é o caminho para a vida eterna.

Não é o santo que se move, mas o Universo, pois todas as coisas cooperam juntamente para o bem daqueles que amam ao SENHOR Deus.

A tenacidade da agulha da bússola, que aponta sempre para o Norte eletromagnético, é a perseverança dos santos em responder em toda e cada situação ao Espírito Santo do SENHOR Deus, ou seja, o que o Deus Verdadeiro faria nessa situação, diante dessa circunstância, consigo mesmo e para com essa outra pessoa, etc.

Se você abandonar o Norte eletromagnético e tentar alcançar o seu destino, que, num primeiro momento, parece estar à direita, então se perderá completamente, porque o mapa do mundo não está preso na mesa, mas está sendo movido a cada instante pelas mãos soberanas do Deus Altíssimo, o SENHOR nosso Deus.

Se você quer ser feliz, terá que aprender a confiar no Norte eletromagnético dessa parábola. Pois tudo o que o SENHOR Deus requer de nós é que lhe sejamos fiéis durante os nossos dias, praticando a justiça, amando e servindo de coração sincero.

Arrependimento significa retorno ao Norte eletromagnético; e felicidade, o seu destino colocado gratuitamente diante de você, na plenitude dos seus dias, pelo trabalho poderoso dos dedos do SENHOR Deus.

O mapa do Universo não está fixado na mesa, o que significa que o desejo do seu coração, que hoje parece estar a milhares de quilômetros de distância, amanhã poderá estar a apenas um aperto de mãos.

Não se iluda com suas percepções a respeito da “impossibilidade” da sua felicidade. Nada é impossível para o Reino do SENHOR Deus.

O nome do Deus Soberano é “Sua Felicidade Importa Para Mim”, “Eu Sei Muito Bem Para Que Eu Te Criei”, “A Sua Alegria Sou Eu”…

Solte o mapa… Concentre-se no Norte eletromagnético.

Concentre-se em descobrir o que é o Certo agora e depois em fazê-lo pronta e sinceramente.

Somente o SENHOR Deus realiza os desejos do coração.

Eu acredito em vocês! Eu acredito em milagres!

Tenham uma boa semana!

Atenciosamente,

Rafael Caldeira de Faria, homem de dores.

 

A existência de Deus

Boa tarde a todos!

Como estão? Como vai a sua família?

Que a graça e a paz de nosso Senhor Jesus, o Cristo do SENHOR Deus, sejam com todos vocês!

Gostaria de compartilhar com vocês hoje um texto apologético, uma defesa da fé, um argumento em favor da existência de Deus.

O texto diz assim:

“No ventre de uma mãe havia dois bebês.

Um perguntou ao outro: ‘Você acredita em vida após o parto?’

O outro respondeu: ‘É claro! Tem que haver algo após o parto. Talvez nós estejamos aqui para nos preparar para o que virá mais tarde’.

‘Bobagem’, disse o primeiro. ‘Que tipo de vida seria esta?’

O segundo disse: ‘Eu não sei, mas haverá mais luz do que aqui. Talvez nós poderemos andar com as nossas próprias pernas e comer com nossas bocas. Talvez teremos outros sentidos que não podemos entender agora’.

O primeiro retrucou: ‘Isto é um absurdo! O cordão umbilical nos fornece nutrição e tudo o mais de que precisamos. O cordão umbilical é muito curto. A vida após o parto está fora de cogitação!’

O segundo insistiu: ‘Bem, eu acho que há alguma coisa e talvez seja diferente do que é aqui. Talvez a gente não vá mais precisar deste tubo físico’.

O primeiro contestou: ‘Bobagem! E além disso, se há realmente vida após o parto, então por que ninguém jamais voltou de lá?’

‘Bem, eu não sei’, disse o segundo, ‘mas certamente vamos encontrar a Mamãe e ela vai cuidar de nós’.

O primeiro respondeu: ‘Mamãe, você realmente acredita em Mamãe?! Isso é ridículo! Se a Mamãe existe, então onde ela está agora?’

O segundo disse: ‘Ela está ao nosso redor. Estamos cercados por ela. Nós somos dela. É nela que vivemos. Sem ela este mundo não seria e não poderia existir’.

Disse o primeiro: ‘Bem, eu não posso vê-la, então é lógico que ela não existe’.

Ao que o segundo respondeu: ‘Às vezes, quando você está em silêncio, se você se concentrar e realmente ouvir, você poderá perceber a presença dela e ouvir sua voz amorosa'”. (Autor húngaro desconhecido).

A existência do SENHOR Deus é assim como a existência da mamãe para seus filhos no ventre materno.

A justiça eterna, quer dizer, o fato de que toda impiedade recebe castigo e toda correção, recompensa, argumenta em favor da existência do SENHOR Deus.

O amor divino, quer dizer, o fato de que só nos sentimos completamente contemplados no momento em que nos arrependemos de todo o pecado e nos submetemos verdadeiramente à santidade/Lei do SENHOR Deus, argumenta em favor da existência do SENHOR Deus.

E a ressurreição dos mortos, quer dizer, o fato de que a morte não é capaz de reter os justos filhos do SENHOR Deus, argumenta em favor da existência do SENHOR Deus.

Jesus, o Cristo do SENHOR Deus, é Senhor! Aos seus pés serão entregues toda a honra, glória e louvor!

Sim, o SENHOR Deus existe e recompensa todos aqueles que o buscam!

Amamos vocês!

Atenciosamente,

Rafael Caldeira de Faria, Teólogo, e o Editor do blog Curados por Deus.